segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

ATIVIDADES RECREATIVAS


1. Encestar o arco

Faixa etária: De 8 a 11 anos

Objetivos: Desenvolver explorando os movimentos naturais e logo após os mais complexos fazendo com que os mesmos sejam de uma forma progressiva
Número de jogadores: De 10 a 25 alunos

Área de jogo: Em sala de Aula ou no pátio da escola

Materiais: Arcos

Forma de organização: O professor divide os alunos em colunas, colocam-se a uma distância determinada por ele, os outros do outro lado. O primeiro da coluna com o arco terá que encestar o arco em seu companheiro. Após o ato, este virá correndo, passando o arco para o próximo, e dirige-se para o final da coluna, e o aluno que lançou o arco tomará o lugar do que foi encestado. O jogo termina quando o primeiro aluno voltar à sua posição inicial.

Variações: 1ª: Dividem-se os alunos em colunas, o primeiro de cada coluna deverá lançar o arco, girando para cima e tentar entrar embaixo, tentando se encestar.
2ª: Dividem-se os alunos em colunas. À voz de comando do professor, os alunos deverão ir passando por dentro do arco e o professor orientará como se deve realizar o exercício. Logo, eles irão descobrindo as diversas maneiras de desenvolver a atividade (como pular corda).








2.  Prender a bola

Faixa etária: De 5 anos acima

Objetivos: Incentivar a socialização, convivência e companheirismo e domínio.

Número de jogadores: De 10 a 25 alunos

Materiais: Arcos e bolas de tênis

Área de jogo: Em sala de aula ou no pátio da escola

Forma de organização: Os alunos serão divididos em duplas e o professor demarcará o espaço a ser percorrido. Os alunos (duplas) de cada grupo prenderão uma bola ou um outro objeto na testa e enlaçados com um arco à cintura. À voz de comando, estes, com as mãos para trás, levarão esse objeto sem deixar o arco cair até à dupla de seu grupo.

Variações: 1ª: Os alunos em duplas, o professor colocará uma tira de elástico (ou similar) nos braços e pernas, prendendo um ao outro. À voz de comando, estes sairão andando, combinando os passos e entregarão a bola para a outra dupla, vencendo o grupo que terminar todas as duplas primeiro.

2ª: Os alunos, na mesma formação anterior, com os braços e as pernas presas um ao potro, terão que chegar aos seus companheiros, mas irão passando por dentro do arco, entregando o arco par colegas.



3.  Corrida de jornal em duplas

Faixa etária: De 8 a 11 anos

Objetivos: Desenvolver o equilíbrio, a interação e a cumplicidade em grupo de trabalho.

Número de jogadores: Grupos de 6 alunos

Área de jogo: Sala de aula ou ao solo

Forma de organização: As duplas unidas por argola de câmara de ar nos tornozelos, de posse cada dupla de duas folhas de jornal. Após a organização, cada dupla ficará sobre um jornal e colocará outro à frente. Ao sinal do professor, a dupla passará para o jornal da frente e puxará num segundo momento, o jornal que ficou para trás, para sua frente, repetindo o gesto que ultrapassem a linha de chegada. Não será permitido deslocar-se fora do jornal.

Materiais: Jornais, câmaras de ar ou argolas.

Variações: Em duplas dentro de um círculo feito de giz e numerados, solicitar uma dupla de posse de um jornal amassado esta dupla fora do círculo, joga o jornal amassado para cima e chama um número. Neste momento todos devem trocar de lugar. A dupla chamada, de posse do jornal amassado, tentará atingir os participantes antes que consigam efetuar a troca, e o participante da dupla que for atingido passará para fora dos círculos. A dupla que conseguir êxito na troca não poderá ser mais atingida.




4.Vamos acordar?

Faixa etária: De 8 anos acima

Objetivos: Desenvolver a percepção, agilidade e atenção.

Número de jogadores: De 10 alunos acima

Área de jogo: Em sala de aula ou qualquer outro local

Forma de organização: Os alunos dispostos em círculo sentados ao chão, ou em cadeiras ou até mesmo em pé, as mãos cruzadas dispostas sobre o peito. Um aluno ficará no meio do círculo com uma bola que deverá ameaçar lançá-la a qualquer aluno que estiver no círculo, este não poderá mover as mãos a não ser que realmente ele lance, portanto o aluno deverá pegá-la. O aluno que mover as mãos ou se laçada a bola e deixá-la cair, sairá fora da brincadeira e assim por diante, até que restar somente um aluno dentre todos os do círculo.

Materiais: Bola

Variações: Lenço a trás. O s alunos dispostos em círculo em pé, um aluno ficará ao centro deste e outro fora. O aluno que estiver fora deverá percorrer o círculo e apenas deixar o lenço cair atrás de um dos companheiros. O aluno do centro que certamente estará atento deverá tentar pegar o roubar o lenço de trás do amigo antes que ele perceba que este se encontre lá. Este não percebendo será o aluno do centro e assim sucessivamente.



5. Trocar de roupas (jogo de estafeta)

Faixa etária: De 7 anos acima

Objetivos: Memorização, companheirismo e agilidade.

Número de jogadores: De 10 a 20 alunos

Área de jogo: Pode ser em sala de aula mesmo

Forma de organização: A critério do professor, ele poderá trazer as roupas ou combinará com os alunos para trazerem roupas (boné, calção, camisas etc.), suficientes para o depósito da brincadeira. Dividem-se os alunos em colunas. À voz de comando, os primeiros de cada coluna deverão vestir a s roupas, correrem até o lugar marcado, tirá-las e voltarem, tocarem na mão do companheiro e este irá até o local, vestirá as roupas e voltará, e passando para o próximo. É importante se iniciar com duas peças e irem acrescentando outras no decorrer da brincadeira.

Materiais: Roupas em geral e acessórios.

Variações: Pegar objetos; dividem-se os alunos em grupo. O professor designará o objeto a ser levado. Ao comando do professor, os primeiros alunos de cada grupo deverão pegar o objeto determinado e levar até o seu companheiro. Repete-se a brincadeira. Incrementando com outros objetos. Orientar aos alunos quanto à entrega dos objetos, que deverá ser na mão do seu companheiro. O professor deverá colocar objetos de vários tamanhos.




6. Alvo móvel

Faixa etária: 7 e 8 anos

Objetivos: Desenvolvimento e domínio às coordenações dos movimentos diversificados, habilidade e agilidade.

Número de jogadores: 20 alunos

Área de jogo: Solo

Forma de organização: Dividem-se os alunos em dois grupos, ficando cada grupo de um lado do espaço demarcado e cada aluno em posse de qualquer tipo de bola. O professor arremessará um alvo para cima e os alunos, à voz de comando, deverão tentar acertar esse alvo.
Obs.: Poderão ser bolas de meias.

Materiais: Bolas e por ex: um boneco como alvo

Variações: 1ª: Colocados da mesma forma anterior, agora estes deverão rolar a bola para o colega, podendo variar, rolando com as duas mãos, só com a direita ou à esquerda. 2ª: Pode-se arremessar a bola de costas para o colega, este pega a bola, vira e arremessa para o companheiro, criando-se variações.




7.  Handebol com Alvo


Faixa-etária: De 8 aos 12 anos

Objetivos: percepção, noção de espaço, trabalhar em equipe.

Número de jogadores: De 14 a 20 alunos

Área do jogo: Quadra ou espaço livre para marcar

Forma de organização: Dois grupos com números iguais de alunos, diferenciarem os grupos A e B. Demarcar a área do gol com uma corda de 5 a 6 metros de comprimento. Nos gols será pendurado um arco ou pneus. Regras: Não é permitido entrar na área do gol ou pisar na linha, se isso ocorrer, o grupo perdera a posse da bola. Não é permitido dar mais de 3 passos com a bola. Quicar a bola no solo para passar ao colega. Será considerado vencedor o grupo que marcar maior número de pontos.

Materiais: 1 bola, 1 corda e 2 arcos.

Variação: Realizar a mesma atividade, mas em duplas e colocar mais arcos.




8.  Distribuir e recolher

Faixa-etária: De 6 a 10 anos

Objetivos: O trabalho em equipe, percepção motora ao recolher e distribuir, noção de espaço e agilidade.

Número de jogadores: De 20 a 30 alunos

Área do jogo: Quadra, espaço livre ou na sala.

Forma de organizaçã : Dois grupos com números iguais de alunos, estarão em coluna atrás de uma linha demarcada. Na frente das colunas serão colocadas quatro bolas para cada grupo, ao lado da linha de saída. O primeiro corredor deverá carregá-las uma a uma, em quatro corridas, colocando-as dentro dos arcos dispostos à frente. O corredor seguinte deverá apanhá-las uma a uma em quatro corridas. Será vencedor o grupo que terminar em primeiro



Materiais: 4 bolas, 4 arcos e 2 caixas.

Variação: Em duas colunas de alunos, colocarem as caixas quatro metros à frente, um aluno irá segurar um arco em cima da caixa, mas um pouco para frente, os alunos nas colunas tentarão acertar a bola dentro do arco e cair na caixa.

9. Bola ao túnel

Faixa-etária: De 7 aos 11 anos

Objetivos: Motricidade, agilidade, espaço e percepção.

Número de jogadores: De 15 a 25 alunos

Área de jogo: Quadra ou na sala de aula.

Forma de organização: Os alunos formarão um círculo com as pernas
afastadas, os pés encostados uns aos outros e as mãos nos joelhos. O professor ficará no centro jogando uma bola entre as pernas dos alunos, que por sua vez, não deixarão a bola passar por debaixo de suas pernas, entrará no círculo e com outra bola ajudará o professor nos arremessos, dificultando para os demais alunos.

Materiais: 2 bolas

Variação: Com o mesmo material, fazer duas colunas dar a bola para o primeiro e assim vai passando, pode ser por cima da cabeça, das pernas e de lado o ultimo irá ser o primeiro, assim sucessivamente.

10.  Chute aos cantos

Faixa-etária: De 8 aos 12 anos

Objetivos: Socialização, noção de espaço, integração grupal.

Número de jogadores: De 16 a 20 alunos

Área do jogo: Quadra ou espaço livre para marcar

Forma de organização: Montar dois grupos com número igual de alunos. Nas linhas de fundo da quadra fazer dois quadrados que serão as bases. A quadra será dividida ao meio, de um lado ficara o grupo A e, nas bases, alunos do grupo B do outro lado, o grupo B e, nas bases, alunos do grupo. Ao sinal, o grupo que está com a posse da bola deverá, em seu campo, fazer três passes e chutar nos campos, para uma de suas bases pegarem à bola. O grupo adversário tentará interceptar a bola com os pés. Caso a bola do grupo que chutou chegue às suas bases e o aluno segure a bola sem cair do quadrado ou pisar na linha, será considerado ponto. Quando um dos grupos marcarem ponto a bola a bola será do grupo adversário. Será considerado vencedor, o grupo maior número de pontos.

Materiais: 1 bola

Variação: Pode-se trabalhar o jogo da bandeirinha, na mesma quadra, com divisão dos alunos, competirem ao pegar a bandeirinha do adversário.

Nenhum comentário: